Menu Horizontal

quinta-feira, 25 de julho de 2013

A Camareira e o Instrutor da Academia


Durante um tempo, a minha amiga Laura (nome fictício) trabalhou como camareira num motel da avenida Ricardo Jafet. Nas folgas, a gente curtia algumas baladas juntas.
Eu achava lindo o corpo da Laura e sabia que era impossível ter um corpo daquele apenas dançando nos bailinhos. Curiosa, eu perguntei o que ela fazia. Laura contou que frequentava academia duas vezes por semana. 
Disse que adorava malhar, mas não gostava quando era cercada por alguns alunos inconvenientes que tentavam paquerá-la na academia.

Passaram dois meses e eu aceitei o convite persistente da Laura para fazer matrícula na mesma academia que ela frequentava. Ela acreditava que estando junta, inibiria um pouco o assédio dos rapazes.

Não foi o que aconteceu. Assim que começamos a praticar as aulas juntas, um dos instrutores me passou uma cantada direta. Fiquei assustada com tal ousadia, mas confesso que também fiquei empolgada, me senti super valorizada com os elogios que ele me fez. O instrutor era moreno, alto, forte, um gato!

Deixei a brincadeira rolar. Luís (nome fictício) me acompanhou e me ajudou nos exercícios. Outro instrutor, o Bruno (nome fictício) ficou junto com a Laura.
Parecia que eu tinha contratado o Luís para ser o meu personal-trainner.
As outras alunas olhavam com cara de inveja e eu nem me importei. Eu sabia que não tinha culpa naquilo. Eu não pedi exclusividade, foi o Luís que decidiu ficar ao meu lado.






A Laura também entrou no clima e ficou com o Bruno. Após duas semanas, a gente começou a namorar. Eu com o instrutor Luís e a Laura com o Bruno.
Nós passamos a sair juntos, os dois casais.
Eu vivi uma grande paixão ao lado do Luís. Fazíamos muitas loucuras juntos. Até que com o tempo, aquele fogo foi esfriando. Quando virou rotina, decidimos terminar.
A Laura está com o Bruno até hoje.

Carla Santos
santoscarla464@gmail.com

Arquivo: Grupo MAOSECRETS


Postar um comentário

Deixe o seu comentário aqui ! A sua opinião é muito importante para nós !
Mas lembre-se: Gentileza gera gentileza !
Serão excluídos sem aviso prévio as ofensas e os comentários que contrariem as leis e a boa moral.