Menu Horizontal

sábado, 28 de dezembro de 2013

Paqueras e amizades


Sempre falamos aqui no blog sobre amor e paixão, relacionamentos e paqueras. E para quebrar a rotina, hoje vou falar sobre as amizades e o relacionamento com os amigos.  

Quando a gente possui um amigo de verdade, é natural que a gente se preocupe também com o que ocorre ou possa ocorrer de errado na vida dessa pessoa. Mas, como podemos ajudar com coerência e sensatez? 

A amizade é um sentimento que descreve o compromisso e a empatia por outra pessoa e é por isso que a gente se preocupa com a conduta ou situação que um amigo possa ter. Mas, até onde essa preocupação pode ser considerada normal? É importante saber o que são os nossos limites para que não se tornem um incômodo na vida pessoal da outra pessoa. Então vou mostrar as dicas interessantes que eu li e aprendi:

1 - Fale com a pessoa com grande respeito ao expressar a sua preocupação, especialmente se você pode ver as possíveis conseqüências negativas do seu comportamento no futuro.

2 - Não é só apontar uma problemática, ofereça-se para dar ou encontrar soluções alternativas. Isso também é importante para demonstrar a sua verdadeira preocupação em ajudar.

3 - A coisa mais importante é que o seu amigo esteja receptivo para ouvir as suas preocupações , caso contrário, você não pode fazer muito e você logo perceberá que causou um incômodo ou passou a imagem de uma pessoa curiosa sobre a vida pessoal dela.

4 - Por fim, se o seu amigo muda o seu comportamento para as suas sugestões seria muito benéfico , mas se ignorada, manter a calma , pois o seu dever como um amigo foi realizado. Entenda que cada pessoa deve suportar as consequências do seu comportamento.

Desejo que esse ano de 2014 a base das amizades seja ainda mais sólida para  que possamos juntos desfrutar de muitas alegrias!  


Beijos, amores!
Carla Santos
santoscarla464@gmail.com


Postar um comentário

Deixe o seu comentário aqui ! A sua opinião é muito importante para nós !
Mas lembre-se: Gentileza gera gentileza !
Serão excluídos sem aviso prévio as ofensas e os comentários que contrariem as leis e a boa moral.